...

quinta-feira, 22 de junho de 2017

Seguuuuura!...

Em planejamento, no setor de "cultura" da cidade, uma mega-festa de caubóis.
Marcada para agosto, incoerentemente mês do folclore, a festança trará artistas de cachês milionários.

O alcaide pode argüir que tudo é bancado com dinheiro federal, via ministério próprio. Poderá dizer também que seus bolsos não verão nenhum tostão, e que ninguém irá "molhar a mão" na bufunfa.

Há quem acredite piamente. Eu, e a minoria da gente decente, não. É da "Lei de Gerson" que, quando a oportunidade se apresenta, sempre alguém sai no lucro.

Moral da história: O povo gosta de circo, embora continue mendigando pão.
Merece...

Congelem o embrião...

Salesópolis virou um buraco onde se perde tempo descontruindo. O Comtur exemplifica...

Tudo leva a crer que continuaremos trabalhando para sustentar ladrões, vagabundos e políticos. Políticos profissionais...

Nunca seremos relevâcia em nada! Talvez em torneio de Montain Bike, quem sabe..
Seremos sempre um município que não se leva a sério, e por isso não se respeita. Não pode ser respeitado...

Estamos agora disputando com outros em retrato da decadência, no lar da imoralidade pública, no pasto de drogas, na violência, na proliferação de doenças sem remédio, nas injustiças em todas as instâncias e estâncias. Um amontoado de terras que outros vêm explorar. Que outros usufruem, menos o povo salesopolense...

Já fomos um dia a agradável terra da felicidade, dos encantos mil, de bravos. Hoje restou a decrepitude, a indolência, a covardia. O atraso geral...

Os homens de bem estão na ancianidade; estão morrendo. Os jovens estão despreparados; são idiotas úteis, massa de manobras. Triste futuro...

Tudo isso tem um único culpado. Ignorância do que acontece em volta. Tapa-olhos...

quarta-feira, 21 de junho de 2017

O Tiririca de Salé...

EU VOTEI NELE
Em resposta a requerimento do vereador Claudinho do Som, a respeito da cobrança de multas de trânsito, o alcaide vanderlão confirma: "Reconheço que está tudo errado, mas, doa a quem doer, cobrarei as multas"...

Que fique claro: o Tiririca não é o prefeito, não. É o bando de otários que apoiou e votou nele.

terça-feira, 20 de junho de 2017

Interesses outros...

Sérgio dos Santos resolveu agora promover vingança gratuita contra o ex-prefeito Rafael da Silva.
Ontem, disse em tribuna que irá tratar do caso de contratação de pessoas feita por Rafael em período eleitoral.

Na realidade, para bom entendedor o alvo visado é Rodolfo Marcontes, atual presidente da câmara.

Serginho quer se pendurar na broxa na tentavia inócua de minimizar o escândalo de não ter assinado documentos que prezam a moral e a boa ética pública. Tais documentos expõem o atual prefeito que, para o vereador do PR, de repente virou santo.

Os pavoneios do vereador...

Logo após o término da sessão de câmara de ontem, o vereador Monteiro (também conhecido por "mineiro") agrediu verbalmente o editor do "Jornal do Povão".
O "ilustre edil" estava descontente com o que leu naquele site de notícias que mostrou à população o verdadeiro interesse do vereador ao se alinhar com o prefeito. O motivo é manter a sua filha trabalhando na JARI, um órgão municipal gerenciador de multas de trânsito.

Em altos brados, Monteiro afirmou "não dever nada na cidade" e que sua filha vai continuar trabalhando onde está.
E xingou, e esperneou, e espumou, e se descontrolou...
.........................
Os insultos do vereador ao sr. Márcio Rosa é apenas um apêndice exposto do seu caráter. Sua exaltação raivosa entatiza o fato injustificável e incomodativo de se prestar a um "lambe-botas" do alcaide.
O fato de ter a filha pendurada no cabide municipal constitui o chamado "toma lá, dá cá", vergonhoso expediente usado por maus políticos.

O vereador Monteiro disse não dever nada na cidade, mas ele deve sim. Deve explicações à população; deve a prática da lisura frente aos seus pretensos eleitores. Se não quiser ser um pária da sociedade, tem de parar de mamar nas tetas do prefeito e da primeira-dama...

Tem de parar de agir como um autêntico pavão.

segunda-feira, 19 de junho de 2017

UNE elege presidente semi-analfabeta...

A União Nacional Estudantil elegeu nesse fim de semana sua nova 'presidenta' por dois anos: Marianna Dias, 25 anos, há 16 anos estudante de pedagogia da Universidade do Estado da Bahia (UNEB).

Sabe que a jovem passou no vestibular em 2009. O curso de pedagogia tem oito semestres. Marianna dobrou a meta.
Na camiseta dela está estampado "CORAGEM". É o que tiveram os que elegeram essa 'superdotada".

Foi eleita por tempo de serviço! Oops... de falta de serviço. Deu todas as provas na faculdade que é realmente capaz de representar tão digna aglomeração! Uma "jênia".

Pelo tempo e pelo curso, já demonstrou não ser apta ao ensino superior. É inadmissível o dinheiro público custear parasitas (isto é fato recorrente nas IES públicas).

Sobre os votantes, cabe a frase de Millor Fernandes: "Conheço certos sujeitos que, se caírem de quatro, não só não levantam como não têm a menor vontade."

sábado, 17 de junho de 2017

As entranhas da subserviência...

Eu votei neles...
Serginho d'Aurora e Monteiro mineiro não assinaram a petição enviada ao Ministério Público para pôr em pratos limpos a questão do aumento salarial do alcaide e seus aspones.

Sérgio e Monteiro preferiram misturar-se com os porcos e deleitarem-se nos cochos da imundície generalizada.
Sérginho e Mineiro trairam os eleitores que lhes depositaram os votos.

Monteiro tem uma filha pendurada no cabide da prefeitura; Serginho todos conhecem de "quatrocentos miliquinhentos mir" mandatos e não devem mostrar surpresa...

Pode-se qualificar o ato dos dois vereadores de várias maneiras. Aos salesopolenses assistem até a prerrogativa de taxarem-nos de covardes e coniventes a interesses pouco claros.
Mas o que ninguém duvida é que, de momento, nenhum adjetivo que se possa colar na dupla é adequado a representantes de um povo de bem.

quinta-feira, 15 de junho de 2017

Viva as redes sociais!...

Estrada dos Araújos
Os moradores do Distrito não estão nada contentes com a administração vanderlão.
Agora a coisa desandou, virou lama, caiu na boca do povo, afundou de vez...
Estr. Bracaiá, próx. Sessão Obras

terça-feira, 13 de junho de 2017

As linguiças...

Enfatizando que não é oposição ao prefeito, o vereador Nei sugeriu a criação de um Conselho de Notáveis para tentar pôr a administração nos trilhos. Essa comissão seria composta de pessoas importantes e "de bem" do município, por exemplo, dirigentes da Camat e da Associação Comercial, "apoiadores de campanha do atual prefeito".

Quá, quá, kkkk, vereador! Primeiro seria preciso achar essas pessoas "de bem" que se prestassem a bater de frente com o prefeito e, segundo, que essas pessoas "de bem" fossem imunes a perseguições políticas.

Como se vê, a sugestão é utópica, impraticável de qualquer ponto de vista. Mais um lero-lero para encher tripa...
....................
Também saltou à vista e aos ouvidos o elogio rasgado que o vereador Pastor fêz ao colega Nei.
Nei preside a "Comissão de Ética" da câmara, e nada como um conveniente puxassaquismo para enfiar uma conta de telefone debaixo do tapete...

Frouxidão...

Ontem, na tribuna da câmara, o vereador Monteiro afirmou uma grande verdade, sobejamente do conhecimento da população: de que condução da secretaria de saúde é frouxa.
Foi o único pronunciamento coerente desse vereador nesses seis meses.

Minutos antes, em aparte ao edil Rodolfo, Sérgio dos Santos saiu detrás do armário e deixou subtendido que a secretária de educação também é incompetente.
.............................
Qual seria o motivo de os camaristas Nei e Débora constantemente usarem a tribuna para alardear que "não são oposição ao prefeito", que "querem somar para o bem do município", que "têm a função de fiscalizar" e blá, blá, blá?

Débora chega ao ridículo de brandir o plano de governo do alcaide para abalizar sua atuação. Será que ela não sabe que papel aceita tudo e que nenhum político cumpre o que escreve (ou que escreveram a ele) na busca (ou compra) de votos? Nem vereador segue o que prometeu...

E o Nei, ninguém ignora que é um político inteligente e experiente, mas parece que está mais para manhoso com essa lenga-lenga que vem se tornando rotina.

Nenhum deles precisa do prefeito pra nada. O contrário é que é verdadeiro. Se a funcão do vereador - na essência autêntico representante do povo - é fiscalizar os atos do Executivo, que o façam com fidelidade e nobreza. Devem isso aos que os elegeram. Destoar da missão é deixar claro que "se tem o rabo preso", como é comum dizer.

Se o vereador não for oposição declarada aos atos ilegais e imorais do prefeito ele é conivente, conveniente, incompetente e frouxo etica e moralmente. Ainda mais se tais atos são praticados contínua e assiduamente
.
...............................
Mário da Padaria focou-se nos contratos imorais assinados pelo Vanderlão. Ele se diz indignado e não compreender o que vem acontecendo.

Ora, vereador, era sabido que com a eleição do PR o município tornar-se-ia alvo para a desova de apadrinhados de toda sorte. E esses contratos são o espelho dessa afirmação. Basta ter olho de ver, basta querer ver.

E, já vou cantando a bola: aguardem para agosto a entrada da empresa do tio da mulher do prefeito no transporte escolar...

............................................
Foi mencionado que alguns vereadores (Nei, Débora e Mário) são retratados como "Os Três Mosqueteiros".

No romance de Alexandre Dumas, Athos, Porthos e Aramis defendiam a honra do reinado com a espada e a própria vida. Compará-los a vereadores é fazer o autor e as personagens revirarem no túmulo...

O trio de camaristas está mais para "Os Três Patetas"...